Chamada para ação (CTA) para feiras e eventos

A chamada para ação, que adquiriu a sigla de CTA, do inglês call to action, deve entrar no plano de ações de uma empresa que planeja participar de uma feira ou outro tipo de evento. Afinal de contas, todo o objetivo dos investimentos feitos para participar de uma feira é justamente a ação do potencial cliente: a compra de um produto, a aquisição de um serviço ou receber mais informações. Por isso, o CTA é a chave para ligar tudo que o cliente absorveu sobre a empresa a uma ação que sua empresa espera por parte do cliente para gerar a conversão.

Mas como pode ser elaborada a chamada para a ação? Confira alguns passos para chegar à CTA ideal para o seu negócio.

CTA na mídia digital

A chamada para a ação geralmente utiliza palavras como cadastre-se, veja, acesse, solicite, entre outras. O importante é que os verbos estejam sempre no imperativo para estimular o cliente a agir. Lembre-se que para chegar à CTA ideal os objetivos e estratégias do evento devem estar muito bem definidos, pois são eles que vão basear a chamada. Utilize sempre as mesmas chamadas nas mensagens de e-mail, pré, durante e pós-evento, assim como no site e nas páginas de redes sociais. Para ampliar o potencial de engajamento, inclua uma hashtag nas redes sociais, principalmente no Twitter.

Ações pré-evento

Tenha uma lista de potenciais clientes antes do início do evento. Os contatos podem ser obtidos por promoções em sites, redes sociais, enfim, alguma vantagem que o cliente receba por fazer um cadastro. Na era digital, pensar em mandar uma carta por correio parece absurdo? Enviar um convite personalizado ao endereço do cliente para uma demonstração ou oferecendo uma vantagem exclusiva durante o evento pode valer muito a pena. E a chamada para ação? Nos e-mails, convites ou qualquer outra forma de contato pré-evento, é fundamental que você peça para seu público fazer o que você espera, como baixar um material, se inscrever, visitar a feira ou mesmo seu estande. Seja explícito.

CTA no estande

Não é só nos meios digitais que a CTA deve estar presente como uma parte da comunicação. A mensagem dela deve estar incorporada ao ambiente do negócio. Por isso, seja nos banners ou outros artigos impressos, a CTA deve marcar presença. Também é importante que a equipe de colaboradores do estande seja treinada para, durante as conversas com os visitantes, sempre fazer uma chamada para a ação baseada nas estratégias definidas.

Manter a CTA viva

Sabe aquele copo que você ganhou em um evento e que está até hoje na sua mesa de trabalho? Esses mimos podem ser boas alternativas para o potencial cliente lembrar da sua marca e também da CTA. Escolha um artigo que seja a cara da empresa, que tenha relação com a sua personalidade, e inclua uma mensagem relacionada à CTA. É uma forma de ampliar o alcance da chamada para além das mensagens de e-mail e anúncios nas redes sociais.

Vai participar de uma feira ou evento e não sabe por onde começar a organização? Entre em contato com a Monolito e receba todas as orientações para elaborar a participação da sua empresa com eficácia e resultados.

Comentários

Comentários

Rastreou de seu site.

Deixe um comentário

Você deve ser logado para publicar um comentário.
WhatsApp