Como se faz uma live? 9 Dicas de como fazer live em redes sociais

Como se faz uma live 9 Dicas de como fazer live em redes sociais

Quer fazer uma live nas redes sociais, mas não sabe por onde começar? Com tantas formas diferentes de produzir uma live, tenho certeza de que você vai encontrar um método que atenda bem a sua demanda, mas vamos começar do início. O que as pessoas costumam chamar de live (pronuncia-se laive) vem da expressão em inglês live streaming, que é uma linha de transmissão ao vivo de áudio e vídeo realizada por meio da Internet nas redes sociais.

Após o início da pandemia da COVID-19 as lives no Instagram, por exemplo, cresceram mais de 70%. Palestras, workshops, aulas e entrevistas invadiram as redes por meio de lives e nas eleições municipais de 2020 o recurso foi muito utilizado como palanque eleitoral. Portanto, já deu para perceber que as lives vieram para ficar e você também pode começar a fazer suas próprias transmissões.  

Siga essas dicas para fazer uma live campeã

Preparação antes da live

1. Estratégias, planejamento e objetivo

Como todas as atividades voltadas para um empreendimento, é necessário fazer um planejamento prévio, ou seja, é importante responder algumas questões como:

  • Qual é o seu objetivo? Você quer vender algo, quer informar sobre algum assunto, interagir com o público por meio de uma comparação de um produto ou simplesmente debater opiniões?
  • Qual é a melhor forma de alcançar este objetivo? Você pode entrevistar alguém, palestrar, testar produtos ao vivo, dentre muitas outras estratégias.
  • Quais as atividades que você precisa realizar para fazer tudo acontecer? Liste ações como criar perfis em redes sociais, convidar outros participantes, preparar a divulgação, escrever o roteiro ou ensaiar. Ao registrar o responsável pela tarefa e o prazo de execução você terá seu planejamento.

2. Roteiro e divulgação

Após responder estas questões, monte um roteiro. Selecione um tema central, identifique palavras-chave e se aprofunde em sua pesquisa para elaborar seus argumentos. Quanto mais você estudar seu assunto, mais confiança terá diante da câmera. É interessante que você divulgue sua live por todas as mídias possíveis, com posts, aviso nos grupos de WhatsApp e com as informações relevantes: horário, dia, os meios de transmissão e se terá alguma participação especial.

3. Equipamentos e cenário

Prepare os equipamentos necessários e o ambiente em que será realizada a live. A iluminação deve ser adequada e, se possível, o local deve ser tranquilo, silencioso e sem ruídos. Se o ambiente não for silencioso, como uma casa em rua movimentada, garanta que seu equipamento capte bem a voz dos participantes, permitindo menor interferência possível. É importante que as notificações e chamadas do seu celular sejam silenciadas.

Você poderá utilizar um fone com microfone simples ou até mesmo com um fone de ouvido. Se você quiser gravar com uma câmera filmadora profissional ou semi-profissional, ela precisará de uma conexão HDMI e você de alguma habilidade com softwares específicos, mas saiba que utilizar um aparelho celular com uma boa câmera é o suficiente para transmitir uma live com alto padrão de qualidade!

Com a popularização das lives, surgiram muitas novidades no mercado para melhorar a qualidade das transmissões. Uma delas é o anel de luz, uma lâmpada redonda de led fixada em um tripé que permite apoiar o celular no meio, o que melhora muito a qualidade da iluminação. Há também diversas opções de câmeras em full HD e em 4K para deixar a imagem mais nítida.

4. Softwares para live streaming

Se o foco da sua transmissão for profissional, é possível fazer uso de alguns softwares como o OBS Studio e o StreamYard.

  • O OBS Studio é apropriado para gravações e transmissões de vídeo e vai permitir a inclusão de mais uma câmera, acréscimo de fontes e cenas, apresentação de slides e inserção de elementos para causar efeitos especiais como, trilhas sonoras e texto. Esta ferramenta funciona em Windows (PC), Mac OS e Linux.
  • Já o StreamYard permite a criação de conferências com compartilhamento de tela, áudio e vídeo. Por meio do computador, é possível convidar mais seis pessoas para participarem simultaneamente da transmissão. Existe a versão gratuita e paga, com uso direto pelo navegador, sem a necessidade de realizar download. Permite que a transmissão seja feita em diferentes redes sociais ao mesmo tempo. O público pode interagir fazendo comentários na tela. Podem ser adicionados elementos, como seu logotipo e ferramentas para maior personalização do espaço digital.

5. Qual a melhor plataforma para fazer uma live?

Cada rede social possui suas próprias características para realizar uma live.

  • Instagram

O Instagram está com algumas novidades para suas transmissões ao vivo. A duração das lives aumentou de uma para quatro horas. Agora também é possível assistir a live direto do navegador. Outra funcionalidade adotada pelo Instagram é a possibilidade de baixar o vídeo da live no seu celular ou computador. A live também pode permanecer nos destaques por 24 horas para que quem não assistiu ao vivo possa ver depois. Há também a alternativa de repostar no IGTV, que é um canal de conteúdo dentro do Instagram. Para melhorar a experiência pelo seu aparelho celular, o IGTV reproduz verticalmente seus vídeos e é usado para criar quadros, divulgar conteúdos, videoclipes, entre outros.

Assim como acontece no Facebook, no Instagram você pode convidar alguém que esteja assistindo à live para participar da transmissão.

  • Facebook

O Facebook permite a duração da live de até oito horas, sendo ideal para cobrir eventos, pois permite a interação com seu público por meio de sua fan page. Seu vídeo é mantido na página e salva as métricas de cada live que fizer. As transmissões podem ser feitas tanto do seu celular quanto do seu computador.

  • YouTube

As lives realizadas pelo Youtube não possuem tempo que limite a transmissão, mas caberá de forma mais intensa, ao próprio produtor de conteúdo, divulgar a exibição de seu vídeo. Pode ser mais interessante para quem já possui esta plataforma como a base de seu negócio e conta com um número expressivo de assinantes. Assim como o Facebook e o Instagram, o público pode interagir nos comentários.

  • Twitter

No Twitter, para você ser redirecionado à página da transmissão ao vivo, você deve clicar no botão com símbolo de uma câmera que fica no mesmo espaço para a publicação de tuítes.

  • TikTok

Um dos apps mais recentes e com o foco apenas em vídeos, é o TikTok, que permite também a produção de lives, porém, é preciso baixar um segundo aplicativo, o Live.ly, utilizando o mesmo login do TikTok. Na parte inferior da tela, você encontrará um botão vermelho com símbolo “+” e em seguida deve clicar em “transmitir ao vivo”.

  • Bigo

Já o Bigo Live possui ferramentas que permitem nomear a live, escolher filtros e colocar máscaras e tags. Para isso você deve escolher as opções clicando no botão circular, após entrar com sua conta no app e, em seguida, selecionar “ao vivo” para iniciar sua transmissão.

6. Testes antes de transmitir a live

Faça diversos testes antes de fazer ao vivo, em ambientes, iluminações e aparelhos diferentes e decida pelo que ficar melhor! A sua rede de internet também precisa ser estável, para evitar o que chamamos de screen freeze, aquele efeito de tela congelada.

Ah! Uma dica: se você quer testar a live por completo, transmitindo na sua plataforma predileta, experimente criar um perfil ou página de teste. Se você não divulgar o link desta página, poderá transmitir um live na íntegra sem o risco de um vexame. 😉

Durante a transmissão

7. Interação e espontaneidade

Para os iniciantes na produção de vídeos para internet, uma das principais vantagens da transmissão ao vivo é a tolerância da audiência. Por ser ao vivo, quem assiste não costuma esperar a mesma qualidade das grandes emissoras de TV ou canais famosos da internet. Vale engasgar, esquecer o texto, ser interrompido pelo cachorro ou qualquer destes imprevistos que acontecem e mostram que quem está transmitindo está sujeito as mesmas situações que ocorrem com qualquer um. Basta lidar com naturalidade. Seja espontâneo(a) e converse com o público. Ria das suas dificuldades e sua audiência rirá com você.

8. Chamada para ação e leads

Aproveite o engajamento dos seus espectadores e diga o que você espera delas conforme seu objetivo. Se você quer que elas curtam o vídeo, peça. Se quer que elas se inscrevam no canal ou sigam o perfil, declare e deixe isso claro. Se quer que elas comprem seu serviço, venda ao vivo. Se as pessoas estão se dedicando a te assistir estão dispostas a te atender.

Quanto mais atenção você der, mais atenção receberá, então leia os comentários do chat e esclareça as dúvidas. Ao final da live você pode promover seus canais, seja no Telegram ou Youtube, mas principalmente, procure direcionar as pessoas para alguma página de cadastro para, por exemplo, se inscreverem em sua newsletter, para baixar algum material ou solicitar uma consulta gratuita. Assim você terá captado o lead (dados de cadastro) de quem se inscrever.

9. O que é proibido em fazer na live?

Para não correr o risco de ser banido das redes sociais ou receber uma suspensão temporária, atente-se às regras que cada uma possui. Você deve ler, anteriormente, os termos de adesão, para evitar comportamentos que possam gerar futuros constrangimentos.

Podemos listar algumas proibições como:

  • Divulgação de informações privadas;
  • Uso de armas de fogo;
  • Apologia à conteúdos sexuais, criminosos, suicidas ou políticos no geral;
  • Uso de drogas;
  • Conteúdos que possam causar danos à terceiros;
  • Divulgação de plataformas concorrentes ou conteúdos com direitos autorais;
  • Conteúdos de assédio;
  • Nudez;
  • Reprodução de conteúdo de TV ou similares;
  • Profanidade excessiva ou grosseria e atitudes danosas à segurança infantil.

Fique atento(a) para fazer o seu trabalho da melhor forma possível, e sem ser prejudicado por qualquer falta de informação.

Está esperando o que para começar a preparar a sua live? Aproveite este momento de quarentena em que todos estão ainda mais on-line! Agora você tem todas as bases para iniciar seu planejamento e fazer sucesso nas redes sociais.

Dica Bônus

Engajando seu público

Uma live de sucesso é aquela que mantém seu público interessado e ativo. Há algumas coisas que você pode fazer para manter o público engajado:

  • Acompanhe os comentários e interaja com o público;
  • De vez em quando, cite os nomes de todas ou algumas pessoas que comentaram e cumprimente;
  • Sua live é bem informal e seu cachorro começou a fazer algo engraçado? Aproveite a deixa e mostre na live. O público sempre gosta de ver um pouco de bastidores;
  • Vá sempre fazendo perguntas e obtendo feedback durante a própria live. Ao entrar em um assunto, peça a opinião das pessoas e leia alguns comentários;
  • Tome cuidado com os direitos autorais da live. Vai comentar algo sobre um livro ou reportagem? Cite a fonte. Vai tocar uma música? Cuidado porque em algumas situações redes como o Facebook podem derrubar a transmissão;
  • Ao final da live é muito importante verificar as métricas, quais foram os picos de audiência, quando começou a cair, quantas pessoas assistiram etc.

Comentários

Comentários

Rastreou de seu site.

Deixe um comentário

Você deve ser logado para publicar um comentário.