Conheça as melhores dicas para produzir um evento online

Conheça as melhores dicas para produzir um evento online

Com os eventos online em alta, decidimos listar as vantagens de se realizar um, quais os tipos existentes, especificidades, dicas para uma boa produção, entre outros aspectos.

Desde que a pandemia começou e com ela, o isolamento social, os eventos online passaram a ter muita visibilidade, por isso é importante se atualizar, caso queira obter bons resultados. Há diversas opções para você explorar ao criar este tipo de ação, dependendo da que se adeque ao que precisa e o público que irá frequentá-lo.

A ideia dos eventos online não foi adotada só pelo mundo da música, mas por inúmeras outras áreas, por exemplo, a da ciência ou a dos gamers. Já que palestras, lives, webinars estão cada vez mais no dia a dia das pessoas, daremos dicas que farão a diferença na hora de produzir algo nesse sentido.

Os tópicos abordados no artigo serão os seguintes:

  • O que é um evento online?
  • Diferenças entre eventos online e presencial
  • Principais tipos de eventos online
  • Quais as vantagens de realizar este tipo de ação para a marca?
  • Quais estratégias devo adotar na produção e divulgação de eventos?

O que é um evento online?

O evento é uma ação em prol de algo ou alguém, que reúne pessoas em um determinado espaço. No evento online, o que se difere é que cada um estará em sua casa e o custo será menor com um preço igual, caso queira chamar um ou dez mil participantes.

Para atingir a um público específico é importante compreender as principais ramificações dos eventos online. Vamos te contar algumas delas, confira abaixo:

  • Eventos de conhecimento e capacitação: nestes eventos se englobam aqueles como palestras, webinars e reuniões que instruam ou em ensinem aos participantes alguma coisa;
  • Conferências: estas reuniões são um pouco mais internas e acontecem durante os trabalhos remotos, consultorias ou mentorias. Podendo participar centenas de pessoas de acordo com a plataforma utilizada;
  • As famosas lives: estas podem ser feitas com o intuito de alguma apresentação, uma troca de ideia com os seguidores ou também é o ganha pão de vários gamers na twitch.

Sabemos que a vontade de aglomerar é grande, mas realizar eventos online tem várias vantagens que provavelmente fará diferença no momento de pesar na balança.

Diferenças entre eventos online e presencial

Em essência, a diferença está na presença física de público. Porém, há outras características específicas de cada modelo. E embora muitos vejam as realizações pela internet uma ameaça aos negócios tradicionais, na verdade, ambos são ótimos complementos.

A organização é outro ponto com demandas específicas. Os eventos online exigem grande atenção ao aparato e pessoal técnicos. Tudo para que a experiência dos participantes seja a melhor possível.

Nos presenciais, os investimentos são maiores (local, decoração, comes e bebes, logística, etc.).

Os dois formatos têm vantagens, e isso vem conquistando empresários de diferentes ramos. O resultado tem sido a aposta em eventos híbridos, uma tendência que pode ser mantida mesmo após superarmos a covid-19.

Principais tipos de eventos online

Alternativa supervalorizada na pandemia, os eventos online demarcaram seu território muito bem. Alguns dos variados tipos que conhecemos são hoje sinônimos de uma praxe produtora de resultados.

Live

As transmissões ao vivo são um ótimo meio para nutrição, conversão e fidelização de clientes, entre outros benefícios. Podem ser uma apresentação individual ou bate-papo com convidados, interação entre jogadores de games na internet, cobertura de partidas de futebol, enfim. Mil e uma possibilidades para esta, que se tornou uma solução com alta demanda.

Webinar

O nome vem da junção de duas palavras em inglês, web + seminar (na tradução livre, seminário na web). É um recurso bastante utilizado nos universos corporativo e universitário, por exemplo. Por meio dele, a transmissão de conteúdo acontece de maneira interativa.

Workshop

Evento no formato aula ou treinamento que atende a uma infinidade de áreas. O conhecimento é compartilhado a um grupo de participantes. Estes, por sua vez, interagem com perguntas e exercícios supervisionados. Dessa maneira, conteúdos são trabalhados de forma didática. No ambiente online, pouco muda. Ganha, na verdade, a possibilidade de audiências maiores e, com isso, mais conversões de leads.

Conferência

As conferências são o tipo de evento que dão certo quando transmitidas ao vivo. Esse formato tem certo parentesco com os workshops, principalmente no jeito de divulgação de conteúdo. O formato híbrido (presencial + remoto) já era utilizado antes da pandemia, tamanhas as possibilidades ampliadas da internet.

Meetup

Serviço usado para reunir pessoas com interesses afins para a organização de encontros. Se em sua origem os compromissos eram presenciais, principalmente, a pandemia acabou intensificando a realização de eventos virtuais. A grande qualidade aqui é fortalecer o networking e o entrosamento entre os colaboradores de uma mesma empresa.

Quais as vantagens de realizar este tipo de ação para a marca?

Produzir um evento online de sucesso e que seja rentável pode trazer várias vantagens.

  • A primeira delas é que o custo de lead será menor, pois grandes espaços físicos, funcionários e outros fatores não estão no orçamento. Além disso, a quantidade de participantes que você convida para este evento pode ser grande ou pequena, que o custo teria pouca diferença;
  • O outro fator é o alcance que provavelmente será bem maior, porque as pessoas terão acesso fácil ao evento;
  • Não menos importante, os dados do acontecimento realizado poderão ser analisados de forma mais concreta.

Agora que você compreendeu alguns dos benefícios do evento online, veja abaixo algumas dicas valiosas para criar o seu.

Quais estratégias devo adotar na produção e divulgação de eventos online?

Criar uma boa estratégia para a produção de um evento requer, de início, alinhamento entre agência e cliente, ou prestador de serviço, ou empresa. Alguns pontos cruciais devem ser levados em conta, como:

1. Pré-evento

Planejamento é essencial. Portanto, defina com clareza:

  • Objetivo
  • Local
  • Data e horário
  • Orçamento
  • Ferramentas
  • Palestrantes convidados

Mais dicas:

  • Roteirize as falas de cada um para que o evento seja mais fluido. Cuidado com o texto, que precisa estar de acordo com o público definido lá no começo. Em alguns momentos, principalmente em lives, acontecem imprevistos. Porém, se o roteiro tiver bastante coerência, o emissor da mensagem não se perde.
  • Invista em uma boa promoção. Faça making of, crie um site para publicar a programação do evento, e tantas outras ações que você confere texto que preparamos sobre o porquê de usar marketing digital para eventos.
  • Verifique câmeras, microfones e outros equipamentos.
  • Boa organização de espaço físico e objetos, ainda que este processo seja menor.

2. Durante o evento

Há práticas que você pode adotar para engajar seu público e fazer com que ele entenda a proposta do seu evento. Por exemplo, investir em:

Importante:

Ao final da transmissão, verifique as métricas, identifique os pontos em que houve picos de audiência e em quais teve queda, quantidade de pessoas que acompanharam sua live, entre outros aspectos.

3. Pós-evento

Este é um momento também muito importante. Por maior que seja o cansaço após a realização do evento, ainda há atividades para otimizar os resultados. E quais são algumas delas?

  • certificação dos participantes
  • balanço dos resultados
  • análise das métricas
  • pesquisa de satisfação (participantes, parceiros e patrocinadores)
  • realizar ações periódicas para manter o engajamento

Ainda que aglomerar seja incrível e estejamos com saudades, realizar evento online pode ser bem vantajoso para seu bolso – na economia de tempo e, principalmente, para alcançar um público maior.

Rastreou de seu site.

Deixe um comentário