Você já estruturou a comunicação do seu negócio para 2018?

2017 foi um ano marcado por inúmeras mudanças na comunicação. Em especial, o destaque fica com a popularização crescente do marketing digital.

Com o passar do tempo, os robozinhos e algoritmos das redes sociais e da internet segmentaram as pessoas. Isso exigiu o desenvolvimento de estratégias por parte das empresas, que tentam se comunicar com o público ideal do seu negócio.

Para 2018, essas mudanças vão ser ainda maiores. O importante é pensar em ações e estratégias que sejam eficazes para a sua empresa.

Antes de continuar a leitura, reflita se você já pensou nas estratégias de comunicação do seu negócio.

Neste artigo, vamos apresentar algumas das tendências da comunicação para 2018. Também mostraremos como estabelecer estratégias digitais é uma ação importante hoje em dia. Vamos lá?

 

Trabalhe com inbound marketing

O inbound marketing trabalha com estratégias de marketing que procura atrair o interesse das pessoas para um produto ou serviço. Algumas das ações de inbound marketing envolvem a criação de e-books, posts em blogs, podcasts e vídeos.

Essa estratégia está ganhando cada vez mais força dentro das empresas de todos os tamanhos e segmentos. As pequenas e médias empresas, inclusive, já começaram a aproveitar todos os recursos que o inbound marketing pode trazer para a comunicação do seu negócio.

Para 2018, a previsão é que o inbound marketing cresça cada vez mais e ofereça novas oportunidades para os negócios que souberem utilizar os recursos lá presentes da melhor maneira possível.

 

Construa o seu site

Hoje em dia, ter um site é essencial para qualquer negócio. Inclusive, aqueles que procuram prospectar novos clientes e utilizar as estratégias de marketing digital devem pensar no desenvolvimento de uma página que traga todas as informações necessárias sobre o negócio e vá além – o importante não é só fazer propaganda, mas conseguir mostrar para o público que o seu negócio tem um diferencial e é eficaz na hora de apresentar soluções para as necessidades do cliente.

Para a comunicação digital e as estratégias de marketing digital, um site é a ferramenta principal para que a sua marca seja conhecida. Existem três aspectos que devem ser levados em consideração na hora de construir um site que, algumas vezes, passam despercebidos.

 

Crie um blog

Um blog é uma importante ferramenta de comunicação e de marketing digital – e uma parte estratégica do inbound marketing. É no blog que a sua empresa pode criar um conteúdo que seja relevante e instrutivo para o seu cliente: se você, por exemplo, tem uma marcenaria, é possível criar posts que ensinem o ofício para as pessoas, dê dicas de qual tipo de madeira ou parafuso utilizar em algumas situações, como conservar um móvel e por aí vai. É importante ter criatividade e utilizar outros recursos para aprimorar o conteúdo, como o SEO.

SEO

O SEO (sigla de Search Engine Optimization, ou otimização para motores de busca) é uma ferramenta que ajuda a identificar palavras-chave que sejam relevantes e que conseguem tornar mais popular ou facilitar o acesso a um determinado conteúdo.

O importante é saber que o SEO também é uma ferramenta essencial para uma boa estratégia de comunicação: ainda mais agora com a popularização das hashtags (para quem não sabe, é esse símbolo: #), conseguir determinar uma palavra-chave de alta relevância pode ser o diferencial para o seu negócio.

 

Torne o seu site responsivo para mobile

Outro ponto extremamente importante é que o site da sua empresa seja responsivo para diferentes plataformas de exibição, como smartphones ou tablets. Como o uso da internet através desses dispositivos está crescendo, é essencial que o site da sua empresa seja programado para ser bem visualizado e de fácil navegação em qualquer lugar. Só para você ter uma ideia da importância dos sites mobile responsivos, o Google torna mais relevante na pesquisa os sites responsivos.

 

Invista em conteúdo em vídeo

2017 foi o ano em que os vídeos se tornaram extremamente populares em praticamente todas as plataformas. Segundo dados do próprio YouTube, cerca de 1,5 bilhão de pessoas estão conectadas na plataforma todo mês. Além disso, a pesquisa mostra que essas pessoas passam mais de uma hora por dia no mobile assistindo a vídeos.

Investir em conteúdo em vídeo garante não só maior engajamento, mas também visibilidade. Existem três tópicos que valem a pena ser explorados com essa forma de comunicação: o streaming, as transmissões ao vivo e os influenciadores digitais.

 

Aposte no streaming

Os serviços de streaming são uma das maiores apostas para 2018. Essa tecnologia trabalha com a reprodução de conteúdo musical ou audiovisual. Basicamente, é o que o YouTube, Spotify e a Netflix fazem: reproduzir algo que foi gravado a partir de um download.

Em uma matéria publicada no portal Complex, até julho de 2017, o número de reproduções de música via streaming foi de 377 bilhões – número 50% maior em comparação com o mesmo período de 2016. E de acordo com o Statista, a Netflix alcançou, no 3º trimestre de 2017, a marca de 109 milhões de assinantes no mundo inteiro.

Por isso, cada vez mais as marcas criam conteúdo original para ser transmitido pela internet. O YouTube é uma das maiores plataformas de streaming do mundo: são enviados 323 novos vídeos por minuto e mais de 70% dos usuários veem os vídeos pelo celular. Por ser gratuita e repleta de recursos, é possível criar um conteúdo de qualidade e que vai gerar o que qualquer negócio mais deseja, o engajamento.

 

Faça mais transmissões ao vivo

As transmissões ao vivo se popularizam muito no ano passado. Só na virada de ano, mais de 10 milhões de pessoas utilizaram o recurso de live do Facebook. Esse valor é 50% maior em comparação com o réveillon de 2016 para 2017. Saber utilizar esse recurso pode ser essencial para a sua empresa. As pessoas gostam de transmissões ao vivo porque se sentem presentes no desenvolvimento do conteúdo. Além disso, a interação é uma marca forte e desperta o interesse dos usuários. Promover entrevistas, responder a perguntas ou apresentar lançamentos dessa forma pode ser uma estratégia interessante para você aplicar este ano.

 

Se alie aos influenciadores digitais

Os influenciadores digitais estão se tornando parte integrante de muitas marcas. A partir de blogs, perfis no Instagram ou canais no YouTube, as empresas procuram nomes relevantes e que tenham os mesmos valores da marca.

Alguns pontos que as empresas levam em consideração para escolher um influenciador para representar a marca são:

  • Posicionamento local, regional ou nacional;
  • Número de inscritos/seguidores e alcance das publicações;
  • Relação com a marca e/ou o produto ou serviço da sua empresa;
  • Valores do influenciador semelhantes ao da sua empresa.

Se der match entre os dois, sucesso! A comunicação do seu negócio será expandida e direcionada para o grupo correto de clientes.

Comunicação nas redes sociais

Como falar de comunicação e não falar das redes sociais? Algumas se firmaram com tudo em 2017, trazendo grandes mudanças para os negócios e as interações entre as pessoas. Temos um artigo completo sobre o marketing nas redes sociais que você pode ler aqui.

Para 2018, são esperadas muitas mudanças para as redes sociais. Em especial, estão os algoritmos do Facebook e Instagram para os perfis comerciais. Existem duas ferramentas que devem fazer parte da estratégia de comunicação do seu negócio: os chatbots e a comunicação geolocalizada.

 

Chatbots

Os chatbots é uma forma de comunicação automática que existe em alguns sites, principalmente nos e-commerces. Trata-se de um software ou plataforma que “conversa” com o cliente e oferece soluções previamente programadas para ele.

O importante dos chatbots é economizar tempo e tornar mais eficiente o atendimento junto aos clientes. O próprio Facebook tem recursos assim. Vale a pena experimentar e tornar mais instantânea e eficaz a comunicação do seu negócio.

 

Comunicação geolocalizada

A tecnologia de geolocalização é realizada em ações do que chamamos de marketing de proximidade. Com ela, é possível para as empresas descobrirem aonde estão os seus clientes. Essa estratégia é utilizada pelo iFood. As recomendações de restaurantes no aplicativo levam em consideração a localização e a distância do usuário com os estabelecimentos.

Essa ferramenta é uma excelente alternativa para promover negócios ou eventos locais. Além disso, pode-se atrair consumidores que estão num raio de até 30 km de distância da sua empresa. Saber utilizar bem essa ferramenta pode resultar em uma venda promissora: é a comunicação certa na hora mais propícia.

 

Diminuição do alcance orgânico

Já faz algum tempo que as redes sociais diminuía o alcance orgânico das publicações junto aos usuários. O Facebook, por exemplo, foi alterando isso drasticamente. Existe, inclusive, um movimento do Facebook de que as publicações das páginas comerciais que não forem pagas, não irão chegar na página dos seus usuários. Isso exige um reposicionamento por parte das empresas, que deverão estabelecer uma verba para a comunicação nas redes sociais. Se não for possível, será necessário pensar em novas estratégias para conversar com o público.

 

Contrate agências de comunicação especializadas

Como a comunicação está se tornando cada vez mais digital, é importante que você tenha como parceiros agências que trabalhem de forma segmentada.

Algumas agências full service possuem equipes que se dedicam exclusivamente a alguns tipos de trabalho. Entre eles, estão o monitoramento das redes sociais, artigos para blogs, e o roteiro, gravação e edição de vídeos.

Contratar uma agência especializada traz uma série de benefícios, como você pode ver neste post. Isso possibilita que a sua empresa absorva ao máximo o que uma agência pode trazer para o seu negócio.

Comentários

Comentários

Rastreou de seu site.

Deixe um comentário

Você deve ser logado para publicar um comentário.