O que é persona? Veja as diferenças entre buyer, brand persona e público-alvo

Público-alvo você sempre soube o que é, mas recentemente tem ouvido muito falar sobre buyer personas. Você sabe o que é? É uma forma diferente de representar o público-alvo, como vamos explicar adiante, e para não haver confusão, explicaremos também as diferenças com a brand persona.

O consumidor mudou, está mais bem informado e exigente. Isso obrigou as empresas a reinventar suas estratégias de negócios. Se antes ele era passivo, hoje é o contrário. As organizações, portanto, precisam se adaptar às necessidades e os desejos dos seus compradores.

Nesse contexto, o conceito de público-alvo sempre esteve presente nos planejamentos de marketing. Nos últimos anos, no entanto, a figura da persona ou buyer persona ganha cada vez mais espaço, e ela não veio sozinha. Termos como brand persona também passaram a integrar o mundo online.

Mas fique bem calmo, não há a necessidade de você ter arrepios. São conceitos muito simples e fáceis de serem explicados e aplicados na sua estratégia de marketing digital. Neste artigo, vamos falar do público-alvo e mostrar o que é persona ou buyer persona e brand persona. Confira!

Público-alvo

O público-alvo envolve um número bastante diversificado de pessoas, que podem ser atingidas pelo produto ou serviço oferecido pela empresa. Ele é focado em questões demográficas, socioeconômicas e comportamentais.

Exemplo: pais entre 25 e 30 anos, com formação superior, da classe B, desempregados e que precisam de um trabalho para sustentar a família.

Persona ou buyer persona

No marketing, a persona ou buyer persona é uma representação semi-fictícia do cliente ideal. Ela é criada para ajudar a empresa a compreender profundamente quem é o seu consumidor e o que ele precisa.

Quando bem definida, é possível elaborar estratégias bem alinhadas com os clientes. Afinal, as ações serão direcionadas para aquelas pessoas perfeitas para adquirir seu produto ou serviço.

Exemplo: Pedro, de 29 anos, é graduado em sistemas de informação e é desenvolvedor em uma startup. É solteiro, mora em um flat e adora tomar cerveja no fim de semana. Ama o trabalho, mas queria ganhar mais. Seu objetivo nos próximos 12 meses é comprar um novo notebook, pois sua máquina é antiga e vem apresentando defeitos.

Brand persona

A brand persona é um personagem criado para representar uma marca. Por meio dela, é possível dar voz e personalidade à empresa, tornando a interação com o público mais natural e humana.

Basicamente, é uma maneira de estabelecer a linguagem que será utilizada nos meios digitais, assegurando que as interações terão um único padrão, independentemente do profissional que está por trás das estratégias.

Exemplo: a personagem Lu, do Magazine Luiza, inspirada na fundadora da empresa, Luiza Trajano, que interage, tira dúvidas e dá sugestões para os usuários nas redes sociais de forma educada, doce e paciente.

Mais relacionamento e maior eficiência de vendas

Agora que você sabe o que é persona ou buyer persona, brand persona e público-alvo, é importante relacionar cada um desses itens e compreender que o levantamento de informações relacionadas a esses conceitos é essencial para melhorar o relacionamento com os clientes e aumentar a eficiência das vendas.

Há diversas formas de entender o consumidor, que podem ser muito mais abrangentes do que uma visão meramente demográfica, socioeconômica ou comportamental. O ideal é conhecer seu público para entregar soluções cada vez mais personalizadas e que efetivamente satisfaçam os consumidores.

Para você ficar ainda mais por dentro desse universo, recomendamos que baixe gratuitamente o nosso e-book sobre o novo marketing e as mudanças que ele vem promovendo nas empresas.

Comentários

Comentários

Rastreou de seu site.

Deixe um comentário

Você deve ser logado para publicar um comentário.