Veja como usar o funil de vendas na prática e aumente o faturamento

O funil de vendas é uma ferramenta que contribui para que os times de marketing e vendas guiem um potencial consumidor em sua jornada de compra. Por meio dele, é possível acompanhar um cliente em potencial desde o momento em que ele descobre a empresa até a hora em que decide pela compra.

Esse modelo estratégico essencial ao Inbound Marketing é dividido em três etapas: topo, meio e fundo de funil. Cada uma delas tem objetivos específicos que se complementam para alcançar o bem comum: converter um visitante em cliente.

Ficou interessado? A seguir, vamos detalhar as etapas do funil de vendas e dar dicas valiosas de como criar conteúdo para cada uma delas. Confira!

O topo do funil e a atração

O topo do funil é a etapa da consciência. Até então, a pessoa não sabia que tinha um problema ou uma necessidade. Sem demanda, ela não busca qualquer solução. Cabe a você instigá-la por meio de conteúdos nas redes sociais, posts de blogs e newsletters.

Nesse caso, a ideia é fornecer conteúdos mais abrangentes, de forma que o visitante do seu blog ou site se transforme em lead, oferecendo informações de contato como e-mail e telefone. Quer um exemplo?

Imagine que você tem uma empresa que vende pneus para automóveis e um blog que fala a respeito dos cuidados com carros. Nesse sentido, um eventual consumidor estava na web pesquisando sobre pneus e encontrou sua página.

Seguindo as orientações de um dos seus artigos sobre desgastes de pneus, ele confere os pneus do seu automóvel e se conscientiza de que tem um problema.

O meio do funil e a consideração

O que efetivamente define a passagem do topo para o meio do funil é o reconhecimento do problema. Aqui, a pessoa busca por maneiras para sanar uma questão e o seu papel é apresentar dicas mais técnicas. Nesse ponto, em geral, lidamos com leads, uma vez que você já forneceu conteúdos ricos em troca do contato da pessoa.

Voltemos no homem que identificou que os pneus dos seus carros estão desgastados. O próximo passo do possível cliente é pesquisar em sua página formas de consertar um pneu desgastado.

Buscando por diversas soluções para o problema, ele considera fazer consertos nos pneus, mas finalmente admite que eles precisam ser trocados. Ou seja, ele tem de tomar uma decisão de compra.

O fundo do funil e a decisão

O fundo do funil é caracterizado pelo momento em que o lead passou pelo processo de educação e ficou pronto para receber o contato do vendedor. É o momento em que a pessoa sabe que precisará contratar um serviço para resolver um problema.

Retomemos ao exemplo dos pneus desgastados. Nessa última fase do funil, o eventual consumidor compara preços e avaliações de várias empresas. Afinal, pneus são caros e ele precisa se assegurar de que está fazendo o melhor negócio.

Como ele encontrou conteúdos de qualidade e confia nas informações apresentadas em seu blog, continua suas buscas e descobre vários depoimentos de clientes seus satisfeitos. Assim, ele decide comprar com sua empresa e se transforma em cliente.

O que você achou dessas ideias relacionadas ao funil de vendas? Agora que você já sabe como fazer, é a hora de colocar a mão na massa. Como destacamos, o funil é uma estratégia essencial para você atrair mais clientes e se destacar no mercado.

Curtiu? Então, assine a nossa newsletter e receba, diretamente em sua caixa de entrada, conteúdos gratuitos que podem ser cruciais para o crescimento do seu negócio.

Comentários

Comentários

Rastreou de seu site.

Deixe um comentário

Você deve ser logado para publicar um comentário.